XX Semana Brasileira do Aparelho Digestivo

Página Inicial » Inscrições Científicas » Trabalhos

Dados do Trabalho


Título

Síndrome inflamatória de reconstituição imune apresentando-se com Sarcoma de Kaposi gastrointestinal alto e baixo - Relato de caso

Apresentação do Caso

Doente de 30 anos de idade, sexo feminino, raça negra, com antecedentes de diagnóstico de HIV e início de tratamento anti-retroviral com tenofovir, lamivudina e dolutegravir há 3 meses. Vem com quadro de 1 mês com diarreia aquosa, hematoquezia ocasional, vômitos persistentes e edema generalizado, ao exame apresentava-se, prostrada, anasarca, mucosas hipocoradas, linfadenomegalia generalizada, sem mais alterações.
Analíticamente com hemoglogina de 8.5 g/dl normocítica, CD4 há 3 meses de 151 células/mm3 e actual de 351 células/mm3, proteínas totais de 40g/dl, albumina de 25g/l, exame de fezes com proteínas de 3 cruzes e sangue oculto positivo . Feita endoscópia digestiva alta onde observam-se na mucosa gástrica e duodenal várias lesões eritemato-violáceas elevadas e planas de 5 mm a 10 mm, a histologia foi sugestiva de gastrite crônica eritematosa.
Ao exame de cápsula endoscópica digestiva, revelou deste o estômago até ao cólon transverso, mucosa com múltiplas lesões de tamanhos variados de 5mm-4cm, eritematosas, violáceas, polipoides, planas, pseudotumorais com úlcera central de base amarelada e presença de lesões que ocupavam a circunferência total do intestino delgado.
O paciente evoluiu com presença de lesões planas violáceas no membro superior, feitas biopsias com histologia compatível com sarcoma de kaposi. O exame de Anticorpo e PCR-DNA para Herpes Vírus Humano tipo 8 foi positiva.
Concluiu tratar-se de um doente com Sarcoma de kaposi intestinal difuso secundário a uma resposta imunológica exacerbada após início do tratamento anti-retroviral para o HIV.
Encaminhada para tratamento quimioterápico com doxorubicina, bleomicina e vincristina. Transfusão de globolos vermelhos, e continuação de tratamento antiretroviral.

Discussão

O Sarcoma de Kaposi intestinal difuso secundário ao Síndrome inflamatória de reconstituição imune no doente com HIV em tratamento antiretroviral é extremamente raro, existem poucos casos descritos na literatura, sendo mais frequentes os casos associados a afecção pulmonar. Apesar da biopsia das lesões gástricas não ser compatível com sarcoma de kaposi, a literatura descreve que falsos negativos são comuns por afectar a submucosa e poupar a mucosa. A história de diagnóstico recente de HIV com início de tratamento antiretroviral, o aumento do CD4, a positividade do vírus HHV8 e histologia cutânea foi possível concluir o dianóstico.

Comentários finais

Pela alta incidência do HIV, esta patologia deve ser sempre lembrada em doente com queixas gastrointestinais.

Palavras-Chave

Sarcoma de Kaposi gastrointestinal difuso, Síndrome de imuno-reconstituição

Área

Gastroenterologia - Miscelânea

Autores

Mussagy Issa Tarmamade, Liana Mondlane, Muhammad Ismail, Michela Loforte, Luzmira Dimande, Sheila Machatine, Regina Victor, Ema Nassone, Abdul Mussagi